Vereador é preso por matar prefeito a tiros em discussão por entulho

O vereador Marcos Alves de Lima (PSDC) foi preso neste sábado (13) acusado da morte do prefeito Hélio Pinto de Carvalho (PSDB), de 55 anos, conhecido como Hélio da Fazendinha, morto após ser atingido por quatro tiros. O crime ocorreu nesta manhã, no município de Naque, situado no interior de Minas Gerais.

Segundo informado pelo Correio Braziliense, prefeito e vereador já tinham rixa antiga. Hoje eles se encontraram e iniciaram uma discussão no momento em que Marcos instalava uma porteira na entrada de terreno que ele havia adquirido para implantar um loteamento.

O local fazia divisa com área da prefeitura, onde funcionários da administração teriam jogado entulho. Essa teria sido a causa da discussão, segundo apontado por testemunhas. No meio da confusão, o prefeito teria agredido o vereador usando um chicote.

Ele revidou e disparou quatro tiros contra Hélio e depois fugiu do local, mas foi encontrado pela Polícia Militar. O prefeito chegou a ser socorrido, mas morreu ao dar entrada no hospital. (Com informações do Correio Braziliense)


Crédito imagem: Foto: Allex Eller/ Alterosa e Reprodução

Crédito matéria: Danúbia Burema